Cidade

Codecon fiscaliza estabelecimentos durante operação Dia dos Namorados em Salvador

[Codecon fiscaliza estabelecimentos durante operação Dia dos Namorados em Salvador]
Foto : Bruno Concha / Prefeitura de Salvador

Por Metro1 no dia 05 de Junho de 2019 ⋅ 21:30

A Diretoria de Ações de Defesa do Consumidor (Codecon) iniciou a Operação Dia dos Namorados, no Shopping da Bahia, em Salvador, na manhã desta quarta-feira (5). Durante a ação, serão verificados se os produtos e serviços ofertados estão em condições de uso e consumo, garantindo o direito do consumidor. Durante a semana, a operação visitará outros estabelecimentos comerciais, encerrando as ações no dia 11 de junho.

O foco da fiscalização são os estabelecimentos mais procurados para a data do Dia dos Namorados, comemorado no dia 12 de junho. Entre as lojas visitadas estão joalherias, perfumarias, floriculturas, restaurantes, sexy shops e motéis. Os agentes averiguam itens como preço, conservação, condicionamento, validade dos produtos, higiene, leitor ótico - para lojas que utilizam etiqueta com código de barras - e a presença do Código de Defesa do Consumidor (CDC), que deve estar completo com os 119 artigos, e em local visível ao público. 

De acordo com a diretora da Codecon, Roberta Caires, as ações são “mais um instrumento a educar o fornecedor no sentido de fazê-lo obedecer as normas do Código de Defesa do Consumidor”.

A diretora esclareceu ainda que, em caso de problemas em serviços e produtos adquiridos nesse período, a Codecon pode ser acionada via aplicativo Codecon Mobile, Disque Salvador, pelo número 156 ou mesmo na sede, que funciona na Rua Chile, nº 3. 

Os estabelecimentos notificados têm dez dias, a partir da notificação, para corrigir o erro. Passado esse prazo, o órgão volta ao local para verificar a reincidência ou não da infração, correndo o risco de aplicação de multa, que pode variar entre R$ 600 a R$ 6 milhões, caso o erro não tenha sido corrigido.

O agente de fiscalização Carlos Alberto orientou que o consumidor fique atento às propagandas enganosas e diferença nos preços no momento do pagamento. “É preciso ficar atento se o produto que está sendo anunciado na promoção é o mesmo que está na loja, e se o preço indicado é o mesmo de quando vai efetuar o pagamento no caixa”, alerta.

 

Notícias relacionadas

[Ufba fica sem luz após roubo de cabos]
Cidade

Ufba fica sem luz após roubo de cabos

Por Kamille Martinho no dia 18 de Outubro de 2019 ⋅ 14:20 em Cidade

Assessoria da universidade afirma que novo material já está sendo providenciado