Cidade

Após Jornal da Metrópole, prefeitura desfaz 'armengue Malassombrado' na Ribeira

Apesar de toda alusão ao vereador Vado Malassombrado, o bar está registrado em nome de João Paulo Andrade Lisboa de Britto

[Após Jornal da Metrópole, prefeitura desfaz 'armengue Malassombrado' na Ribeira]
Foto : Divulgação

Por Alexandre Galvão no dia 01 de Agosto de 2019 ⋅ 12:16

Após matéria de capa do Jornal da Metrópole, que denuncia o "cacete armado" do bar Torre do Malassombrado, na Ribeira, a prefeitura de Salvador resolveu parte dos problemas hoje (1º). 

Imagens recebidas pelo Metro1, mostram agentes da administração pública removendo escadas, caixas de som, caixas de bebidas e um palco que estava montado no espaço público. 

Apesar de toda alusão ao vereador Vado Malassombrado, o bar está registrado em nome de João Paulo Andrade Lisboa de Britto. Britto, segundo dados da Câmara Municipal de Salvador, é funcionário do gabinete de Malassombrado. Pelos serviços prestados, embolsa a gorda quantia de quase R$ 9 mil por mês. Mesmo com todas as evidências, garante o vereador, ele foi apenas “homenageado” com o nome no estabelecimento. Com toda polêmica, Vado disse que pretende virar sócio do bar. “Toda hora falam que é meu. Vou pedir logo”, disse, em tom de brincadeira. 

Britto, em contato com a reportagem, afirmou que iria mandar uma nota de resposta. Até o momento, o texto não foi encaminhado, mas o pretenso empresário rebateu alguns trechos da publicação. "Temos extintores e são dois", afirmou.

Notícias relacionadas