Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Cidade

Organização de navio diz que mensagem sobre 'crença em demônios' em Salvador não teve aprovação oficial

Postagem emitida na Alemanha também não teria refletido os princípios e valores da instituição, que seriam "a educação, a liberdade religiosa, o respeito, a tolerância e o amor ao próximo"

[Organização de navio diz que mensagem sobre 'crença em demônios' em Salvador não teve aprovação oficial]
Foto : Hudson Pontes/ Prefeitura do Rio

Por Juliana Almirante no dia 26 de Outubro de 2019 ⋅ 08:58

A organização do navio Logos Hope em Salvador emitiu um comunicado oficial à imprensa, por meio das redes sociais, para lamentar uma publicação feita pela organização cristã OM Ships International que havia classificado a capital baiana como "conhecida pela crença do povo em espíritos e demônios". 

Na nota, eles sustentam que a postagem "não foi oficialmente sancionada pela OM no Brasil, tão pouco pelo Logos Hope". A postagem também não teria refletido os princípios e valores da instituição, que seriam "a educação, a liberdade religiosa, o respeito, a tolerância e o amor ao próximo".

Após grande repercussão e críticas nas redes sociais, a mensagem discriminatória será apurada pelo Ministério Público da Bahia, por meio da Promotoria de Justiça e Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa.

Confira o comunicado da organização na íntegra:

Lamentamos profundamento o ocorrido com a nota emitida na Alemanha no dia 22 de outubro de 2019 em nome da organização, como sendo a visão do navio Logos Hope e da OM no Brasil.

Salientamos que a postagem não foi oficialmente sancionada pela OM no Brasil, tão pouco pelo Logos Hope e não reflete, de nenhuma maneira, nossos princípios e valores que são a educação, a liberdade religiosa, o respeito, a tolerância e o amor ao próximo.

Nós vivemos diariamente e alegremente estes valores. São para nós muito caros. Acreditamos que o povo baiano reflete estes valores e são um exemplo de tolerância e multiculturalismo. Temos enorme felicidade de estar aqui com vocês, vivendo esta experiência, compartilhando e aprendendo.

Nossos navios operam por quase 50 anos e já visitamos mais de 150 países, inclusive países que professam uma variedade de religiões e jamais experimentamos uma situação similar. Nossa tripulação é um conjunto de mais de 60 nacionalidades diferentes, o que demonstra claramente nossos valores.

Lamentamos profundamente o ocorrido e reiteramos nossos valores, sobretudo o respeito e a tolerância.

Notícias relacionadas