Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Quarta-feira, 17 de abril de 2024

Cultura

Ópera de Jorge Portugal e Aldo Brizzi será tema de escola de samba do Rio em 2025

A "Ópera dos Terreiros" é uma realização do Núcleo de Ópera da Bahia (NOP-Ba) e já se apresentou em importantes festivais

Ópera de Jorge Portugal e Aldo Brizzi será tema de escola de samba do Rio em 2025

Foto: Divulgação

Por: James Martins no dia 03 de abril de 2024 às 10:30

A "Ópera dos Terreiros", de Aldo Brizzi e Jorge Portugal, será tema da escola de samba Em Cima da Hora no Carnaval do Rio de Janeiro em 2025. A notícia foi divulgada pelo Núcleo de Ópera da Bahia (NOP-Ba), responsável pela montagem do espetáculo, em seu perfil oficial no Instagram, nesta terça-feira (2).      

"O mundo da ópera e do carnaval, numa integração inusitada e surpreendente, já estão fervendo juntos, rumo ao Sambódromo!", diz a publicação.

Composta entre 2018 e 2020, a ópera que conta a história de amor entre um negro banto e uma negra nagô, já motivou tese de doutorado na Universidade de Roma-Itália, ganhou o prestigiado edital do Vale Cultura para apresentações no Festival de Ópera de Belém, foi filmada pela France Télévision e selecionada como espetáculo das Olimpíadas Culturais, na França, ligadas aos Jogos Olímpicos de Paris.

O Grêmio Recreativo Escola de Samba Em Cima da Hora (ou simplesmente Em Cima da Hora) foi fundado em 15 de novembro de 1959. Conquistou o Estandarte de Ouro em 1976, com o tema "Os Sertões", samba composto por Edeor de Paula. Sua ala de compositores já contou com a ilustre presença de Baianinho, eleito Cidadão do Samba. Entre outras figuras importantes ligadas à escola estão os sambistas Carioca e João Severino, o dançarino Carlinhos de Jesus e o jornalista Sérgio Cabral.