Cultura

Daniela fala com orgulho do clipe de \"Banzeiro\": ʹArte com levezaʹ

Daniela Mercury falou com orgulho do videoclipe de \"Banzeiro\", música que já é aposta para o Carnaval de 2018, durante entrevista no Jornal da Cidade II Edição, da Rádio Metrópole, nesta terça-feira (31). [Leia mais...]

[Daniela fala com orgulho do clipe de \
Foto : Reprodução/ Instagram

Por Luiza Leão no dia 31 de Outubro de 2017 ⋅ 19:38

Daniela Mercury falou com orgulho do videoclipe de \"Banzeiro\", música que já é aposta para o Carnaval de 2018, durante entrevista no Jornal da Cidade II Edição, da Rádio Metrópole, nesta terça-feira (31). O Banzeiro, que significa agitação no mar, se faz presente em todo o objeto artístico, evidenciou Daniela. \"A música tem cinco minutos e eu fiz uma mistura de frevo com galope, carimbó e frevo. A composição é de Dona Onete e ela disse que tinha uma influência minha. E eu me influencio em Pernambuco. Diante disso, eu queria tirar do contexto folclórico. A diversidade da arte é sempre bem vinda. O colorido tem a ver com Belém, as roupas são desse universo, com fundos coloridos...\", destacou.

Segundo Daniela, fatores como a participação de bailarinos baianos, da Companhia Baiana de Patifaria e a escolha de Salvador como locação fizeram a diferença. \"É legal porque é baiana [a música]. Todos os bailarinos daqui, bailarinos talentosíssimos. A singularidade e a entrega, a alegria, brincadeira, mostrar a luz dessa cidade. A gente quis tanta coisa que o clipe tem duzentos e poucos figurinos, cento e tantos bailarinos. E a Cia Baiana foi maravilhosa, deu um ar de humor ao clipe. Quando eles chegaram no estudio eu chamei eles para gravar o coro comigo. Já deram na base todo o espírito da canção, trazendo personagens dos espetáculos. Têm uma baianidade genial\", acrescentou.

A cantora ainda falou da leveza que a produção lhe traz. \"Quando o mundo tá tenso a gente precisa encontrar outros meios de diálogo. Banzeiro me traz isso. A realidade está cansando muito a gente, então, a gente tem que fazer a aproximação através da risada, usando a arte da sua melhor forma\", defendeu. 

Assista:

 

Notícias relacionadas