Cultura

‘Exageraram na pintura do diabo’, diz escritor sobre demonização da Lei Rouanet

Carlos Capinam avaliou as críticas à legislação como 'cruéis'

[‘Exageraram na pintura do diabo’, diz escritor sobre demonização da Lei Rouanet ]
Foto : Matheus Simoni / Metropress

Por Alexandre Galvão no dia 12 de Novembro de 2018 ⋅ 19:03

A demonização da Lei Rouanet, de acordo com Carlos Capinam, foi “exagerada” nos últimos anos. O escritor avaliou as críticas à legislação como “cruéis”. “Está todo mundo na expectativa do que vai acontecer [no governo Bolsonaro]. Ave Maria, isso é cruel. Exageraram na pintura do diabo. Muita mentira espalhada”, afirmou, à Rádio Metrópole.

O escritor disse ainda gostar do atual modelo do carnaval. Segundo ele, o espírito da festa permanece o mesmo. “Eu adoro carnaval. Não pulo mais, não tenho músculo, mas vou lá. O carnaval hoje tem outra energia, não acho que desmerece, mudou e vai mudar muito ainda. O tempo não é brincadeira, é uma realidade que a gente não acompanha como rola. A gente só vê o fenômeno. Carnaval sempre foi difícil para quem vai se meter no meio da massa”, disse.

Analisando sua própria trajetória, Carlos Capinal se descrever como um compositor “volúvel”. “[compor] É uma coisa que não acabo. Fico mudando sempre. Ponteio mesmo veio a música antes da letra”, lembrou.

Notícias relacionadas

['Rebanho' da mostra CowParade ocupa as ruas de Salvador]
Cultura

'Rebanho' da mostra CowParade ocupa as ruas de Salvador

Por Juliana Rodrigues no dia 09 de Outubro de 2019 ⋅ 14:48 em Cultura

Sessenta esculturas de vacas em tamanho real, feitas em fibra de vidro, ganharam cores e texturas e foram distribuídas por diversos pontos da cidade