Quarta-feira, 27 de outubro de 2021

Economia

Rui assina carta em que governadores desmentem Bolsonaro sobre alta da gasolina

Gestores rebatem acusação de que seriam eles os responsáveis pelo aumento no preço dos combustíveis nos estados

Rui assina carta em que governadores desmentem Bolsonaro sobre alta da gasolina

Foto: Arquivo/Agência Brasília

Por: Metro1 no dia 20 de setembro de 2021 às 11:25

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), e outros 19 chefes de Executivos estaduais assinam uma carta em que desmentem as acusações do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de que seriam eles os responsáveis pelo aumento no preço dos combustíveis nos estados.

“Os governadores dos entes federados brasileiros signatários vêm a público esclarecer que, nos últimos 12 meses, o preço da gasolina registrou um aumento superior a 40%, embora nenhum estado tenha aumentado o ICMS incidente sobre os combustíveis ao longo desse período”, afirmam os gestores.

"Essa é a maior prova de que se trata de um problema nacional, e, não somente, de uma unidade federativa. Falar a verdade é o primeiro passo para resolver um problema", acrescentam no documento.

A manifestação reuniu governadores de diferentes partidos, como Flávio Dino (PSB-MA), Ronaldo Caiado (DEM-GO), Cláudio Castro (PL-RJ), Romeu Zema (Novo-MG), Eduardo Leite (PSDB-RS) e Ibaneis Rocha (MDB-DF).

Bolsonaro tem sido constantemente cobrado pelo alto valor dos combustíveis e do gás de cozinha, que tiveram aumentos recorde desde o ano passado. Em alguns locais, o litro da gasolina já chega a R$ 7, enquanto o botijão de gás de cozinha está em torno de R$ 100.

O presidente costuma culpar a política de aumentos do ICMS, aplicada pelos governadores, ao apontá-la como principal fator de alta no preço dos combustíveis, uma argumentação que foi contestada por deputados em audiência na semana passada.

Abaixo, a íntegra da carta dos governadores sobre o preço dos combustíveis:

Rui assina carta em que governadores desmentem Bolsonaro sobre alta da gasolina - Metro 1