Sábado, 04 de dezembro de 2021

Economia

Aprovação de reformas compensaria furo do teto de gastos, diz Guedes

Em entrevista coletiva, o ministro da Economia pediu que o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD), dê andamento às reformas propostas pelo governo

Aprovação de reformas compensaria furo do teto de gastos, diz Guedes

Foto: Clauber Cleber Caetano/PR

Por: Luciana Freire no dia 24 de outubro de 2021 às 14:00

O presidente Jair Bolsonaro foi a um evento público em Brasília neste domingo (24) acompanhado do ministro da Economia Paulo Guedes. 

Em uma entrevista coletiva, Guedes voltou a defender o pagamento do benefício de R$ 400 às famílias mais pobres e disse que a aprovação de reformas propostas pelo governo, como a administrativa e a do Imposto de Renda, compensariam o furo do teto.

Na entrevista, Guedes pediu que o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD), dê andamento às reformas propostas pelo governo e chegou a criticá-lo pelo lançamento de sua pré-candidatura à Presidência da República.

"Se ele quiser se viabilizar como uma alternativa séria, ele precisa ajudar nosso governo a fazer as reformas", disse Guedes.

Aprovação de reformas compensaria furo do teto de gastos, diz Guedes - Metro 1