Economia

7 milhões de pessoas não têm FGTS depositado corretamente em conta

A Procuradoria-Geral da Fazenda divulgou nesta segunda-feira (20) que mais de sete milhões de trabalhadores não tiveram o depósito do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) feito de maneira correta. [Leia mais...]

[7 milhões de pessoas não têm FGTS depositado corretamente em conta]
Foto : Agência Brasil

Por Yasmin Garrido no dia 20 de Fevereiro de 2017 ⋅ 14:25

A Procuradoria-Geral da Fazenda divulgou nesta segunda-feira (20) que mais de sete milhões de trabalhadores não tiveram o depósito do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) feito de maneira correta. De acordo com o "Bom Dia Brasil", essa situação envolve tanto contas ativas quanto as inativas. Mais de 200 mil empresas estão sendo cobradas em decorrência do erro.

Para os problemas identificados em contas inativas, o governo pede que o trabalhador entre em contato com o empregador para resolver a situação. Outro caminho é buscar o sindicato da categoria ou a superintendência regional de trabalho. os erros foram encontrados a partir do momento em que as pessoas procuraram a Caixa Econômica Federal para reaver o saldo do FGTS.

A instituição bancária esclareceu que o site www.caixa.gov.br/contasinativas só traz as informações a respeito das contas inativas contempladas pela Medida Provisória (MP) 763/2016, ou seja, casos em que o trabalhador ou pediu demissão ou foi mandado embora por justa causa. Já o aplicativo do FGTS mostra todas as contas, tanto as ativas quando as inativas.

Notícias relacionadas

[Caixa e BB iniciam pagamento de cotas do PIS/Pasep]
Economia

Caixa e BB iniciam pagamento de cotas do PIS/Pasep

Por Metro1 no dia 19 de Agosto de 2019 ⋅ 17:20 em Economia

Mais de 11 milhões de beneficiários terão acesso ao benefício, pago a quem trabalhou com carteira assinada entre 1971 e 4 de outubro de 1988

[PIS/Pasep é liberado para os nascidos em agosto]
Economia

PIS/Pasep é liberado para os nascidos em agosto

Por Juliana Rodrigues no dia 16 de Agosto de 2019 ⋅ 12:40 em Economia

No caso do PIS, valor total disponibilizado para os nascidos em agosto é de R$ 1,4 bilhão, para 1,6 milhão de beneficiários