Economia

BNDES anuncia que R$ 50 bilhões serão devolvidos antecipadamente à União neste ano

O diretor financeiro do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Carlos Tadeu de Freitas, anunciou nesta quinta-feira (21) que o banco irá devolver antecipadamente à União R$ 50 bilhões neste ano. \"O resgate antecipado está confirmado\", disse ele após evento no Rio de Janeiro.[Leia mais...]

[BNDES anuncia que R$ 50 bilhões serão devolvidos antecipadamente à União neste ano]
Foto : Agência Brasil

Por Paloma Morais no dia 21 de Setembro de 2017 ⋅ 15:56

O diretor financeiro do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Carlos Tadeu de Freitas, anunciou nesta quinta-feira (21) que o banco irá devolver antecipadamente à União R$ 50 bilhões neste ano. \"O resgate antecipado está confirmado\", disse ele após evento no Rio de Janeiro.

O valor será devolvido em duas parcelas. A primeira de R$ 33 bilhões na próxima semana e outra de R$ 17 bilhões em outubro. O diretor afirmou que a demanda do governo federal para que o banco devolva R$ 130 bilhões aos cofres públicos em 2018 ainda está em negociação.

Notícias relacionadas

[Bahia fecha 2,2 mil postos de trabalho em julho]
Economia

Bahia fecha 2,2 mil postos de trabalho em julho

Por Juliana Rodrigues no dia 23 de Agosto de 2019 ⋅ 14:00 em Economia

Setor agropecuário foi o principal responsável pelo resultado negativo, segundo dados divulgados pelo Ministério da Economia

[Brasil cria 43,8 mil vagas de emprego formal em julho]
Economia

Brasil cria 43,8 mil vagas de emprego formal em julho

Por Juliana Rodrigues no dia 23 de Agosto de 2019 ⋅ 13:40 em Economia

Dados divulgados hoje pelo Ministério da Economia mostram que o maior contingente de vagas foi gerado pelo setor de Construção Civil, que abriu 18.721 postos formais

[Caixa e BB iniciam pagamento de cotas do PIS/Pasep]
Economia

Caixa e BB iniciam pagamento de cotas do PIS/Pasep

Por Metro1 no dia 19 de Agosto de 2019 ⋅ 17:20 em Economia

Mais de 11 milhões de beneficiários terão acesso ao benefício, pago a quem trabalhou com carteira assinada entre 1971 e 4 de outubro de 1988