Economia

Presidente do Sindicato dos Comerciários reclama de 'intransigência' para fechar acordo com empresários

Empresários estimam prejuízo de R$ 20 milhões com fechamento de shoppings no feriadão

[Presidente do Sindicato dos Comerciários reclama de 'intransigência' para fechar acordo com empresários]
Foto : Divulgação

Por Rodrigo Daniel Silva no dia 16 de Outubro de 2018 ⋅ 09:40

O presidente do Sindicato dos Comerciários de Salvador, Jaelson Dourado, reclamou, em entrevista à Rádio Metrópole, da "intransigência" dos empresários para fechar um acordo sobre o trabalho em dias de feriados e no domingo.

A Justiça do Trabalho na Bahia proibiu que funcionários de shoppings atuem nestes dias até que tenha um acordo entre as partes. "Há uma intransigência da parte empresarial. Desde março, estamos buscando um acordo e nada. A lei determina que tem que ter um acordo", afirmou.

Apesar da proibição do Judiciário, algumas lojas abriram no último domingo (14) e, segundo o sindicalista, os donos serão penalizados. De acordo com ele, vai pagar uma multa de R$ 1 mil para cada funcionário que trabalhou.

O coordenador regional da Associação Brasileira de Shoppings, Edson Piaggio, estimou que o fechamento dos estabelecimentos no feriado do Dia das Crianças provocou um prejuízo de R$ 20 milhões.

Notícias relacionadas