Economia

Aérea de baixo custo começa a operar voos internacionais no País em novembro

A Sky Airline é uma das quatro empresas de baixo custo com processos em andamento na Anac

[Aérea de baixo custo começa a operar voos internacionais no País em novembro]
Foto : Reprodução/Instagram

Por Marina Hortélio no dia 26 de Outubro de 2018 ⋅ 22:00

A Agência Nacional de Aviação Civil informou hoje (26) que a empresa chilena Sky Airline vai ser a primeira companhia aérea estrangeira de baixo custo, conhecidas como "low cost" a operar voo internacionais no Brasil.

O voo inaugural da empresa vai acontecer no dia 5 de novembro na rota de que parte de Santiago para o Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro.

Em um primeiro momento, a empresa vai funcionar com cinco frequências semanais na rota em um avião com capacidade para 186 passageiros. Até o primeiro trimestre de 2019, a companhia também pretende voar para Guarulhos, em São Paulo, e Florianópolis. 

A Sky Airline é uma das quatro empresas de baixo custo com processos em andamento na Anac. Também pediram licença para operar no País a europeia Norwegian e as argentinas Avian (subsidiária da Avianca) e Flybondi.

Notícias relacionadas