Esportes

Vaiado pela torcida do Bahia, Zé Rafael rebate críticas: 'Não sou de ferro'

"Se as vaias foram para mim, vou fazer o quê? Posso fazer nada. Estou dando o meu melhor", disse o jogador

[Vaiado pela torcida do Bahia, Zé Rafael rebate críticas: 'Não sou de ferro']
Foto : Divulgação/ECB/Felipe Oliveira

Por Matheus Simoni no dia 17 de Setembro de 2018 ⋅ 15:20

Depois de ser vaiado pela torcida do Bahia após o empate em 1 a 1 com o Palmeiras na tarde de ontem (16), na Arena Fonte Nova, o meia Zé Rafael falou do desempenho dele nos últimos jogos e reconheceu que sentiu o desgaste físico. O atleta foi titular da equipe, mas não conseguiu mostrar um bom futebol e teve atuação apagada. 

"Se as vaias foram para mim, vou fazer o quê? Posso fazer nada. Estou dando o meu melhor. Senti o cansaço. A última substituição era para eu sair. Mas Elton sentiu a questão muscular e tive que continuar em campo. Não sou de ferro. Canso também. Vou continuar trabalhando, críticas são assim. Daqui a pouco vou voltar a fazer gol, decidir jogos e a torcida vai aplaudir", afirmou o jogador, durante entrevista na zona mista.

"Se falar que não vou cansar, estarei de sacanagem. Temos um calendário apertado. Tivemos a semana para ajustar, estamos sobrecarregados, mas nossa parte física está inteira. O Palmeiras roda o elenco toda hora. Nossa equipe joga praticamente com os mesmos jogadores o ano todo", completou.

Notícias relacionadas