Esportes

Copa América começa no dia 11 de junho; confira calendário

Seleções divulgam listas de jogadores para a Copa das Américas que acontece de 11 de junho a 4 de julho. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/ Esportes R7

Por Bárbara Gomes no dia 02 de Junho de 2015 ⋅ 18:41

A lista com os 23 jogadores convocados, de cada seleção, para a Copa das Américas foi entregue na última segunda-feira (1º). O campeonato acontece de 11 de junho a 4 de julho, no Chile e terá 12 seleções disputando as partidas.

A abertura da Copa América terá no campo o anfitrião Chile e o Equador, no dia 11 de junho, às 20h30 (horário de Brasília), em Santiago. Já o Brasil faz a primeira partida pelo grupo C no dia 14, contra o Peru. Depois joga contra a Colômbia no dia 17 e encerra a primeira fase diante da Venezuela, no dia 21.

A seleção brasileira contará com os goleiros: Jefferson (Botafogo), Marcelo Grohe (Grêmio) e Neto (Fiorentina); os defensores: David Luiz (PSG), Marquinhos (PSG), Thiago Silva (PSG), Miranda (Atlético de Madrid), Fabinho (Monaco), Geferson (Internacional), Filipe Luís (Chelsea) e Danilo (Porto); os meias: Luiz Gustavo (Wolfsburg), Fernandinho (Manchester City), Elias (Corinthians), Casemiro (Porto), Everton Ribeiro (Al Ahli), Douglas Costa (Shakhtar Donetsk), Willian (Chelsea) e Philippe Coutinho (Liverpool) e os atacantes: Neymar (Barcelona), Diego Tardelli (Shandong Luneng), Robinho (Santos) e Roberto Firmino (Hoffenheim).

Notícias relacionadas

[Carol Solberg recorre de advertência ao Pleno do STJD]
Esportes

Carol Solberg recorre de advertência ao Pleno do STJD

Por Luciana Freire no dia 19 de Outubro de 2020 ⋅ 22:00 em Esportes

Na última terça (13), em julgamento em primeira instância, ela foi condenada, por três votos a dois, por descumprir regulamento, ao falar "Fora Bolsonaro" após uma partid...

[Santos e Robinho anunciam suspensão de contrato ]
Esportes

Santos e Robinho anunciam suspensão de contrato

Por Luciana Freire no dia 16 de Outubro de 2020 ⋅ 19:22 em Esportes

Decisão se dá depois da pressão de conselheiros e patrocinadores após a divulgação de diálogos em que o jogador Robinho relata estupro que teria sido cometido por ele