Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Mundo

Ex-presidente da Argentina Carlos Menem morre aos 90 anos

Menem presidiu o país por mais de 10 anos, com uma política de privatização e forte abertura às importações

[Ex-presidente da Argentina Carlos Menem morre aos 90 anos]
Foto : Reprodução

Por Metro1 no dia 14 de Fevereiro de 2021 ⋅ 13:14

O ex-presidente da Argentina e atual senador pela província de La Rioja, Carlos Menem, morreu hoje (14), aos 90 anos. Ele havia sido internado devido a uma infecção urinária.

Menem presidiu a Argentina por mais de dez anos, entre 1989 e 1999, com uma política de privatização e forte abertura às importações. Durante sua gestão, estabeleceu a taxa de câmbio de 1 peso igual a 1 dólar, o que mais tarde culminou numa grave crise no país, em 2001. Ele foi acusado de inúmeros de casos de corrupção e de acobertamento de crimes.

O ex-presidente teve três filhos em dois casamentos, o primeiro com Zulema Yoma e o segundo com a ex-miss Universo Cecilia Bolocco. Em 2019, Menem foi condenado a três anos e nove meses de prisão por fraude na venda de um imóvel, na década de 1990. No entendimento da Suprema Corte, o ex-presidente desviou recursos públicos na transação comercial. Como ele não foi condenado pelo Senado, a prisão não se consumou. 

Notícias relacionadas