Mundo

Número de acidentes aéreos tem 10% de redução, mas mortes aumentam

De acordo com a Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata, na sigla em inglês), apesar da retração de 10% entre os anos, o número de acidentes aéreos fatais aumentou, passando de quatro em 2015 para 10 em 2016. Os dados da associação englobam 265 companhias aéreas no mundo, representando cerca de 83% do tráfego aéreo global. [Leia mais...]

[Número de acidentes aéreos tem 10% de redução, mas mortes aumentam]
Foto : Reprodução

Por Lorena Dias no dia 12 de Março de 2017 ⋅ 19:56

De 2015 para 2016, o índice total de acidentes aéreos no mundo para cada um milhão de voos caiu de 1,79 para 1,61. Mas, de acordo com a Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata, na sigla em inglês), apesar da retração de 10% entre os anos, o número de acidentes aéreos fatais aumentou, passando de quatro em 2015 para 10 em 2016. Os dados da associação englobam 265 companhias aéreas no mundo, representando cerca de 83% do tráfego aéreo global.

Segundo a entidade, foram registrados 65 acidentes no ano passado, número ligeiramente abaixo do verificado em 2015, quando ocorreram 68 eventos desse tipo - entre 2011 e 2015, foram registrados, em média, 81 acidentes. No entanto, a Iata destaca que as fatalidades também cresceram entre os anos, de 136 para 268. Na média de 2011 a 2015, foram 13,4 acidentes aéreos fatais e 371 mortes.

Notícias relacionadas