Mundo

Premiê palestino sobrevive a tentativa de assassinato

O primeiro-ministro da Autoridade Palestina, Rami Hamdallah, foi vítima de uma explosão hoje perto do seu comboio em Gaza. O premiê não teve ferimentos decorrentes da tentativa de assassinato, porém, sete outras pessoas ficaram feridas. [Leia mais...]

[Premiê palestino sobrevive a tentativa de assassinato]
Foto : Reprodução/ Twitter

Por Marina Hortélio no dia 13 de Março de 2018 ⋅ 15:21

O primeiro-ministro da Autoridade Palestina, Rami Hamdallah, foi vítima de uma explosão hoje perto do seu comboio em Gaza. O premiê não teve ferimentos decorrentes da tentativa de assassinato, mas sete outras pessoas ficaram feridas.

Após a investida, Hamdallah fez um discurso na cerimônia de inauguração de uma central de tratamento de água. Durante a fala, que foi transmitida pela televisão, o chanceler afirmou que três carros foram danificados.

Apesar de o ataque não ter sido revindicado, a Autoridade Palestina responsabiliza o Hamas, grupo dominante do enclave, já que, segundo o órgão, a organização não foi capaz de fornecer a segurança adequada ao primeiro-ministro.

Notícias relacionadas