Terça-feira, 28 de setembro de 2021

Mundo

Macron diz ter provas do uso de armas químicas em ataque na Síria

O presidente da França, Emmanuel Macron, afirmou hoje que detém de provas de que armas químicas foram usadas no ataque ao enclave opositor de Duma pelo regime do ditador sírio, Bashar al-Assad. [Leia mais...]

Macron diz ter provas do uso de armas químicas em ataque na Síria

Foto: Photo Michele Limina/World Economic Forum/swiss-image.ch

Por: Marina Hortélio no dia 12 de abril de 2018 às 15:01

O presidente da França, Emmanuel Macron, afirmou hoje (12) que detém de provas de que armas químicas foram usadas no ataque ao enclave opositor de Duma pelo regime do ditador sírio, Bashar al-Assad. O Chefe do Estado francês ainda reiterou a intenção de atacar o país.

Segundo o Estadão, Macron disse ainda que a intervenção pretende impedir que Damasco volte a usar armas químicas. Para discutir o assunto, o líder francês mantém contato com o presidente americano, Donald Trump – que também pretende responder ao ataque de Duma, e com o mandatário da Rússia, Vladimir Putin – aliado de Assard. Ministros britânicos também planejavam um encontro hoje para debater se devem se unir aos EUA e à França.

O chefe de Estado também garantiu que a ação na Síria deve lutar contra o grupo jihadista Estado Islâmico (EI), apesar de o país "abrigar várias guerras dentro da guerra" nas quais "nem tudo está permitido". Segundo Macron a intervenção deve contribuir para "preparar a Síria de amanhã", quanto for comandada por um governo "que inclua todas as minorias".

Macron diz ter provas do uso de armas químicas em ataque na Síria - Metro 1