Mundo

Papa expulsa da Igreja padre chileno Fernando Karadima por abuso sexual

Padre já havia sido suspenso por toda a vida das funções pelo Vaticano após ser considerado culpado pelos abusos

[Papa expulsa da Igreja padre chileno Fernando Karadima por abuso sexual]
Foto : Franco Origlia/Getty Images

Por Marina Hortélio no dia 28 de Setembro de 2018 ⋅ 18:20

O Vaticano anunciou hoje (28) que o papa Francisco expulsou do sacerdócio o padre chileno Fernando Karadima por abuso sexual. Ele já havia sido suspenso por toda a vida das funções pelo Vaticano após ser considerado culpado por casos de abuso de menores.

Com grande influência na igreja chilena, Karadima foi responsável por formar 50 sacerdotes, cinco dos quais se tornaram bispos.

A justiça chilena considerou o padre culpado por abuso sexual contra crianças e jovens quando era o titular da paróquia El Bosque. Entretanto, ele não foi condenado porque os crimes já haviam prescrevido.

O Santo Padre reconheceu ter cometido "graves erros de avaliação" sobre o caso.

Notícias relacionadas