Mundo

Líbano tem segundo dia de protestos com confrontos; 2 ministros renunciaram

Os manifestantes criticam a forma como a administração pública tem gerenciado a megaexplosão que aconteceu na última terça-feira (4) em Beirute

[Líbano tem segundo dia de protestos com confrontos; 2 ministros renunciaram]
Foto : GloboNews

Por Kamille Martinho no dia 09 de Agosto de 2020 ⋅ 15:34

Os protestos em Beirute, contra o governo do Líbano, iniciadas ontem (8), seguem ao longo deste domingo (9). Os manifestantes, que criticam a forma como a administração pública tem gerenciado a megaexplosão que aconteceu na última terça-feira (4), entoavam “o povo quer a queda do regime”, bordão popular durante a Primavera Árabe, em 2011 e seguravam cartazes que diziam: “Saiam, vocês são todos assassinos.”

"Ficaremos aqui. Chamamos o povo libanês para ocupar todos os ministérios”, disse um manifestante, com um megafone.

Também neste domingo, dois ministros deixaram seus cargos no governo libanês. Pela manhã, Manal Abdel Samad, ministra da Informação, foi a primeira baixa do governo desde a tragédia na região portuária de Beirute. "Depois do enorme desastre em Beirute, apresento minha renúncia do governo", declarou a ministra em um breve discurso na televisão. "Peço desculpas aos libaneses, não atendemos às suas expectativas", acrescentou.

No início da noite, em horário local, Damianos Kattar, ministro do Meio Ambiente, também anunciou sua demissão. 

Notícias relacionadas