Segunda-feira, 04 de julho de 2022

Polícia

Doze policiais entregam fuzis e admitem participação em 10 das 23 mortes no RJ

Circunstâncias das mortes das outras 13 pessoas também são investigadas

Doze policiais entregam fuzis e admitem participação em 10 das 23 mortes no RJ

Foto: Bruna Prado/AP

Por: Metro1 no dia 27 de maio de 2022 às 19:35

Ao todo, 12 policiais - nove PMs e três rodoviários federais - apresentaram à Polícia Civil os fuzis que portavam durante a operação policial no Rio de Janeiro, que deixou 23 mortos no terça-feira (24). A informação é do portal g1.

Eles relataram na Delegacia de Homicídios terem participado de confrontos que terminaram com dez suspeitos mortos. As circunstâncias das mortes das outras 13 pessoas também são investigadas.

Na quinta-feira (26), a Polícia Civil retificou a informação de homicídios na operação na Vila Cruzeiro, no Complexo da Penha, Zona Norte, reduzindo de 26 para 23 o número de mortos.

O Instituto Médico Legal (IML) explicou que três dos 26 corpos, inicialmente atribuídos à operação, chegaram de um confronto entre traficantes rivais no Morro do Juramento.

Doze policiais entregam fuzis e admitem participação em 10 das 23 mortes no RJ - Metro 1