Polícia

Ibotirama: 'PM influencer' que foi morta tinha acordo com ex-marido para que ele pudesse ver filhas

Edson Salvador Ferreira de Carvalho, principal suspeito, estava impedido de se aproximar da ex-esposa por determinação judicial

[Ibotirama: 'PM influencer' que foi morta tinha acordo com ex-marido para que ele pudesse ver filhas ]
Foto : Reprodução

Por Geovana Oliveira no dia 08 de Outubro de 2020 ⋅ 16:00

O soldado da PM Edson Salvador Ferreira de Carvalho, suspeito de matar a influencer e também soldado PM Rafaela Gonçalves, estava impedido de se aproximar da ex-esposa por determinação judicial, mas foi autorizado pela vítima a visitar as filhas.

Segundo o portal UOL, a Polícia Civil informou que o suspeito passou a ver as filhas com autorização da ex-esposa, de quem estava separado havia cerca de três meses. As meninas, de 3 e 7 anos, viviam na mesma casa onde a mãe foi assassinada.

O crime que envolveu os dois agentes da polícia militar aconteceu na última segunda-feira (5), em Ibotirama, município que fica a 655 km de Salvador. As informações compartilhadas pela assessoria da Polícia afirmam que por volta das 12h30 o PM matou a esposa e, em seguida, se suicidou.

Notícias relacionadas