Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

'Não queremos subsídios, queremos competitividade', diz presidente de associação de montadoras

A fala rebate o presidente Bolsonaro, que atribuiu o anúncio do fim da produção da Ford no Brasil à retirada de incentivos

['Não queremos subsídios, queremos competitividade', diz presidente de associação de montadoras]
Foto : Divulgação/Divulgação

Por Luciana Freire no dia 13 de Janeiro de 2021 ⋅ 17:40

O presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Luiz Carlos Moraes, afirmou hoje (13) que o setor não defende novos subsídios e criticou a politização do anúncio do fechamento das fábricas da Ford no Brasil. Ele apontou o sistema tributário brasileiro como um dos principais obstáculos para investimentos das montadoras.

"A gente não quer subsídios, quer competitividade. Estamos há anos mostrando medidas que precisam ser feitas para melhorar a competitividade no Brasil", disse Moraes, em entrevista coletiva.

Antes dessa declaração, ele citou todos os alertas que a Anfavea fez desde abril de 2019, pedindo reforma tributária, mostrando comparativos que indicam que o custo de produzir no Brasil é, por exemplo, 18% maior que no México, solicitando melhoria do ambiente econômico e atacando o “manicômio tributário” do Brasil.

Notícias relacionadas