Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

Dino apresenta queixa-crime contra Bolsonaro e questiona se ele pode 'costumeiramente mentir'

"A mentira pode ser usada deliberadamente no debate político?", indaga Dino em documento enviado ao STF

[Dino apresenta queixa-crime contra Bolsonaro e questiona se ele pode 'costumeiramente mentir']
Foto : Valter Campanato/Agência Brasil

Por Metro1 no dia 26 de Janeiro de 2021 ⋅ 14:00

O governador do Maranhão, Flávio Dino, apresentou queixa-crime contra o presidente Jair Bolsonaro no Supremo Tribunal Federal (STF). O governador cita declarações de Bolsonaro em entrevista à rádio Jovem Pan, em que o presidente afirma que Dino teria negado pedido do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) para que a Polícia Militar garantisse a segurança de Bolsonaro em visita ao estado no ano passado.

"A mentira pode ser usada deliberadamente no debate político? O Presidente da República, com suas elevadas atribuições, pode costumeiramente mentir?", indaga Dino no documento obtido pela Folha de S. Paulo.

"O fato, porém, nunca ocorreu. Não houve qualquer negativa por parte do Governo do Maranhão, menos ainda do Governador do Estado, para que as forças policiais apoiassem a segurança do Presidente da República e de sua comitiva em território maranhense", diz o texto.

O governador pede que, instruída a ação penal, o presidente seja condenado pela prática do crime de calúnia. 

Notícias relacionadas