Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

'Não adianta querer impor algo nacional', diz Mourão sobre toque de recolher

O vice-presidente considera que o caminho para redução dos casos da Covid-19 seria realizar uma campanha de conscientização e acelerar a vacinação

['Não adianta querer impor algo nacional', diz Mourão sobre toque de recolher ]
Foto : Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Por Kamille Martinho no dia 02 de Março de 2021 ⋅ 13:40

Questionado na manhã de hoje (2), durante entrevista no Palácio do Planalto, sobre medidas urgentes contra o iminente colapso das redes pública e privada de saúde do país, o vice-presidente Hamilton Mourão afirmou que "não adianta querer impor" medidas nacionais para restringir a circulação de pessoas com o intuito de reduzir os casos de Covid-19.

"Cada população tem sua característica, se você analisar o país são cinco países diferentes em um só, o Norte é uma coisa, Nordeste é outra, etc e tal. Então, não adianta você querer impor algo nacional. E aí como é que você vai fazer isso para valer? A imposição? Nós não somos ditadura. Ditadura é fácil, sai dando bangornada em todo mundo”, afirmou durante entrevista no Palácio do Planalto. 

O vice-presidente considera que o caminho para redução dos casos da Covid-19 seria realizar uma campanha de conscientização e acelerar a vacinação.

Notícias relacionadas