Sexta-feira, 14 de janeiro de 2022

Política

Bolsonaro diz que Moro não aguenta dez segundos de debate

Presidente voltou a acusar ex-juiz de ter trabalhado "contra" o governo na época em que foi ministro da Justiça e Segurança Pública

Bolsonaro diz que Moro não aguenta dez segundos de debate

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Por: Metro1 no dia 07 de dezembro de 2021 às 08:22

O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a criticar o ex-juiz federal Sergio Moro (Podemos), a quem acusou de ter trabalhado "contra" o governo na época em que era ministro da Justiça e Segurança Pública, entre janeiro de 2019 e abril de 2020.

"Para tentar copiar meu [slogan de campanha] 'Brasil acima de tudo, Deus acima de todos', ele [Moro] botou 'o povo acima de tudo'. Esse não aguenta dez segundos de debate", disse Bolsonaro nesta segunda-feira (7) a apoiadores.

Ele também minimizou uma eventual candidatura de Moro à Presidência em 2022, dizendo que Moro "não aguentaria dez segundos de debate" — em 2018, quando candidato, Bolsonaro participou de apenas dois debates, um na Band e o outro na RedeTV!.

Na quinta-feira (2), durante sua live semanal, Bolsonaro já havia chamado Moro de "mentiroso" e "sem caráter", em resposta a uma declaração do ex-juiz sobre uma suposta comemoração pela soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em 2019 — o que Bolsonaro negou. 

"A última notícia dele [Moro] é que 'Bolsonaro comemorou quando Lula foi solto, diz Moro'. É um vídeo, e ele fala 'ouvi dizer'. É um papel de palhaço, um cara sem caráter", disparou o presidente. "Agora ele vai me acusar disso, que comemorei. 'Ouvia no Palácio do Planalto que ele comemorou porque era bom politicamente para ele'. Tá de brincadeira. Mentiroso deslavado!".

Bolsonaro diz que Moro não aguenta dez segundos de debate - Metro 1