Política

É oficial! Bruno Reis será vice de ACM Neto em campanha pela prefeitura

O prefeito ACM Neto (DEM) finalmente definiu quem será o candidato a vice-prefeito na chapa que busca a reeleição municipal. Se trata do ex-secretário municipal do Combate à Pobreza e deputado estadual Bruno Reis (PMDB). [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Matheus Simoni e Bárbara Silveira no dia 04 de Agosto de 2016 ⋅ 21:15

O prefeito ACM Neto (DEM) finalmente definiu quem será o candidato a vice-prefeito na chapa que busca a reeleição municipal. Se trata do ex-secretário municipal do Combate à Pobreza e deputado estadual Bruno Reis (PMDB). O anúncio foi feito pelo próprio ACM Neto na noite dessa quinta-feira (4). "Amigos e amigas, confirmo oficialmente pra vocês, em primeira mão, que o candidato na minha chapa será o deputado estadual Bruno Reis", disse Neto através do Twitter.

Antes visto com desconfiança no âmbito político, o peemedebista fez valer a força do nome da legenda, superando concorrentes como Silvio Pinheiro, então titular da Secretaria de Urbanismo, Guilherme Bellinani, que passou pela Cultura e Turismo e pela Educação, e do ex-chefe de gabinete de Neto, João Roma (PRB).

Procurado pelo Metro1, Bruno Reis afirmou que vai se pronunciar sobre a decisão na próxima sexta-feira (5). "Tentando pensar em tudo que aconteceu, foi um momento tenso. Agora está com a família", explicou a assessoria de imprensa.

Notícias relacionadas

[Temer assina decreto de extradição de Cesare Battisti]
Política

Temer assina decreto de extradição de Cesare Battisti

Por Matheus Simoni no dia 14 de Dezembro de 2018 ⋅ 16:54 em Política

Condenado por quatro homicídios na Itália na década de 1970, Battisti estava no Brasil e encontra-se foragido da justiça, segundo a Polícia Federal

[Bolsonaro quer anunciar revisão de acordo do Mercosul]
Política

Bolsonaro quer anunciar revisão de acordo do Mercosul

Por Matheus Simoni no dia 14 de Dezembro de 2018 ⋅ 13:20 em Política

O evento na Suíça servirá para Bolsonaro fazer uma defesa enfática da aprovação de uma reforma previdenciária, ressaltando que será a sua primeira medida estruturante