Política

"Resultados falam por sí", diz Neto ao comemorar reeleição em Salvador

Cercado por aliados durante coletiva de imprensa, na noite deste domingo (2), em Salvador, o prefeito ACM Neto (DEM) comemorou a reeleição e falou sobre o compromisso com a população em mais quatro anos de mandato. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Gabriel Nascimento e Matheus Morais no dia 02 de Outubro de 2016 ⋅ 19:13

Cercado por aliados durante coletiva de imprensa, na noite deste domingo (2), em Salvador, o prefeito ACM Neto (DEM) comemorou a reeleição e falou sobre o compromisso com a população em mais quatro anos de mandato.

Destacando o trabalho feito entre 2012 e 2016, o democrata disse ainda que fará "um esforço adicional". "O resultado demonstra claramente a vontade do povo da continuidade do nosso processo. Vou procurar aperfeiçoar meu governo. Saio desse domingo com um peso ainda maior de responsabilidade. Vou trabalhar incansavelmente para honrar os votos que recebi", afirmou.

"Isso não é fruto de uma campanha, é fruto do trabalho realizado ao longo de quatro anos. Sei o quanto transformamos Salvador, o resultado tá aí. Fala mais do que qualquer palavra que eu poderia dizer. Só tenho a dizer muito obrigado", ressaltou.

Ainda de acordo com Neto, um dos principais objetivos é manter as contas equilibradas. "Vivemos um momento de crise que afeta as prefeituras. Tenho a consciência da importancia de pagar tudo em dia e emanter a cidade funcionando. O compromisso é honrar tudo o que assumimos ao longo da campanha", finalizou.

 

Notícias relacionadas

[Lava Jato: 64ª fase mira André Esteves]
Política

Lava Jato: 64ª fase mira André Esteves

Por Alexandre Galvão no dia 23 de Agosto de 2019 ⋅ 08:32 em Política

Um dos alvos seria o banqueiro e dono do BTG, André Esteves. A casa e a sede do banco de Esteves são alvos de busca e apreensão

[MPF dá 10 dias para governo explicar censura na Ancine]
Política

MPF dá 10 dias para governo explicar censura na Ancine

Por Kamille Martinho no dia 22 de Agosto de 2019 ⋅ 19:30 em Política

Os procuradores requisitam informações sobre a suspensão do edital e sobre a decisão de não aprovar projetos audiovisuais relacionados a temáticas LGBT