Política

Após bate-boca com deputado petista, Arthur Maia declara: "Superamos"

Os deputados trocaram xingamentos durante a defesa de seus posicionamentos, na última quinta-feira (30). Maia foi chamado de "vagabundo" e "empresário caloteiro" e respondeu: "Caloteiro é você, vagabundo".

[Após bate-boca com deputado petista, Arthur Maia declara:
Foto : Reprodução/Agência Câmara

Por Gabriel Nascimento e Matheus Morais no dia 31 de Março de 2017 ⋅ 08:32

O deputado federal Arthur Maia (PPS) foi entrevistado por Mário Kertész, na Rádio Metrópole, na manhã desta sexta-feira (31), e explicou o bate-boca com o colega Arlindo Chinaglia (PT) em uma sessão da Comissão da reforma da Previdência Social, na Câmara.

Os deputados trocaram xingamentos durante a defesa de seus posicionamentos. Maia foi chamado de "vagabundo" e "empresário caloteiro" e respondeu: "Caloteiro é você, vagabundo".

"Foi uma coisa desagradável. Eu estava fazendo uma crítica sobre uma incoerência do PT. Ele estava no telefone, entendeu que eu disse uma coisa que não disse, fez uma colocação dura contra mim. Eu respondi a altura. Ele me pediu desculpas, eu pedi a ele e nós superamos isso", resumiu.

 

Notícias relacionadas