Política

Deputado relator da reforma política desiste de propor crime de caixa dois

O relator da proposta de reforma política na Câmara dos Deputados, Vicente Cândido (PT-SP), voltou atrás e desistiu de incluir no parecer a tipificação do crime de caixa dois, valores que não seriam declarado à Justiça Eleitoral. [Leia mais...]

[Deputado relator da reforma política desiste de propor crime de caixa dois]
Foto : Leonardo Prado/Agência Câmara

Por Matheus Simoni no dia 04 de Abril de 2017 ⋅ 15:45

O relator da proposta de reforma política na Câmara dos Deputados, Vicente Cândido (PT-SP), voltou atrás e desistiu de incluir no parecer a tipificação do crime de caixa dois, valores que não seriam declarado à Justiça Eleitoral. Nesta terça-feira (4), após reunião com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), foi tomada a decisão de retirar esse ponto que havia sido incluído no texto.

Segundo o deputado, líderes partidários pediram para que o tema não fosse tratado no projeto. A decisão vai de encontro ao que tinha sido dito por Cândido na última segunda-feira (3), quando ele garantiu que o dispositivo estaria no relatório, com pena de 2 a 4 anos de prisão. O relatório de Vicente Cândido deve ser apresentado ainda nesta terça à comissão especial que discute o tema.

Notícias relacionadas