Política

Bolsonaro é condenado após discurso contra população negra

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) foi condenado a pagar R$ 50 mil por danos morais coletivos a comunidades quilombolas e à população negra em geral. O valor deve ser revertido em favor do Fundo Federal de Defesa dos Direitos Difusos. [Leia mais...]

[Bolsonaro é condenado após discurso contra população negra]
Foto : Marcelo Camargo/Agência Brasil

Por Matheus Simoni no dia 03 de Outubro de 2017 ⋅ 11:42

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) foi condenado a pagar R$ 50 mil por danos morais coletivos a comunidades quilombolas e à população negra em geral. O valor deve ser revertido em favor do Fundo Federal de Defesa dos Direitos Difusos.

Em sentença publicada na última segunda-feira (2) pela juíza Frana Elizabeth Mendes, da 26ª Vara Federal do Rio de Janeiro, analisou a ação movida pelo Ministério Público Federal do Rio de Janeiro e afirmou que ficou evidenciado no discurso feito em abril deste ano a \"total inadequação da postura e conduta praticada pelo réu, infelizmente, usual, a qual ataca toda a coletividade e não só o grupo dos quilombolas e população negra em geral\".

Segundo os procuradores da República, Bolsonaro distorceu informações e fez uso de \"expressões injuriosas, preconceituosas e discriminatórias com o claro propósito de ofender, ridicularizar, maltratar e desumanizar as comunidades quilombolas e a população negra\". Durante sua fala, o parlamentar carioca prometeu acabar com reservas indígenas e comunidades quilombolas caso seja eleito presidente em 2018.

Notícias relacionadas

[Bruno Reis volta a elogiar Prates e nega conflitos]
Política

Bruno Reis volta a elogiar Prates e nega conflitos

Por João Brandão e Juliana Rodrigues no dia 11 de Dezembro de 2019 ⋅ 15:52 em Política

Vice-prefeito ironizou a possibilidade de Prates passar a integrar a base do governador Rui Costa (PT): "Só rindo, né?"