Política

"Não tem ninguém de estofo político para enfrentar Lula da Silva", diz Eliana Calmon

As pesquisas de intenção de voto para presidente da República nas eleições de 2018 foram comentadas pela ministra aposentada do Superior Tribunal de Justiça e ex-corregedora nacional de Justiça Eliana Calmon, em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta quarta-feira (4). [Leia mais...]

[
Foto : Agência Brasil

Por Matheus Morais no dia 04 de Outubro de 2017 ⋅ 10:08

As pesquisas de intenção de voto para presidente da República nas eleições de 2018 foram comentadas pela ministra aposentada do Superior Tribunal de Justiça e ex-corregedora nacional de Justiça Eliana Calmon, em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta quarta-feira (4). Segundo a jurista, não há nenhum pré-candidato com "estofo moral" para enfrentar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

"É um país que não consegue processar pelo Supremo Tribunal Federal seus senadores, que estão com denúncias apresentadas há mais de dez anos. Me parece que, dos 81 senadores, parece que tem 15 com denúncias no Supremo, e 110 deputados federais, e os processos não andam. O povo diz se esses que estão com denúncias nada aconteceu e Lula da Silva, que deu à pobreza lalguma coisa, também merece o nosso perdão. É um país cuja a ignorância política é muito grande", analisou.

"Quem está na pesquisa com Lula da Silva é algum homem de bem, que esteja como salvador da pátria? O Bolsonaro [Jair] um líder radical, não tem passado político. Não tem ninguém de estofo, moral, político para enfrentar Lula da Silva. Isso é um fenômeno brasileiro? Não. Isso aconteceu com Hitler na Alemanha, com o voto popular", ressaltou Calmon. 

Notícias relacionadas