Política

Neto promete definição de candidatura ao governo em março: "Não vou fazer joguinho"

Questionado sobre a sua candidatura ao Governo do Estado em 2018, o prefeito ACM Neto (DEM) ainda evita uma resposta concreta. Durante entrevista a Mário Kertész, na Rádio Metrópole, na manhã desta sexta-feira (27), o democrata disse que tem como conselheiro o povo baiano e prometeu para o início do próximo ano a decisão. [Leia mais...]

[Neto promete definição de candidatura ao governo em março:
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Gabriel Nascimento e Matheus Morais no dia 27 de Outubro de 2017 ⋅ 08:38

Questionado sobre a sua candidatura ao Governo do Estado em 2018, o prefeito ACM Neto (DEM) ainda evita uma resposta concreta. Durante entrevista a Mário Kertész, na Rádio Metrópole, na manhã desta sexta-feira (27), o democrata disse que tem como conselheiro o povo baiano e prometeu para o início do próximo ano a decisão. "A partir de janeiro vou dedicar um tempo para ouvir as pessoas e em fevereiro ou março, devo tomar minha decisão. Não me preocupo em relação ao futuro de Salvador porque temos um planejamento estratégico que tem profissionais importantes. Hoje a Prefeitura anda com suas próprias pernas, antes eu tinha que ficar em cima", declarou.

Ainda segundo Neto, o atual vice Bruno Reis (PMDB) reúne as condições para continuar o trabalho, caso ele renuncie. "É de minha confiança há mais de 20 anos. Eu sei dos riscos. Vai ser uma eleição de muito combate, muito debate. Estou refletindo direitinho e tão logo ela seja tomada, vou falar para a população de Salvador", acrescentou.

"Não vou ficar fazendo joguinho. Meu prazo de renúncia é 7 de abril. Eu sou daqueles que vive cada dia com sua agonia. Eu era muito agoniado, a Prefeitura me ajudou a ser menos agoniado", concluiu.

Notícias relacionadas