Política

Reforma da Previdência deve manter cerca de 50% da proposta original, assegura Meirelles

Após reunião com o presidente Michel Temer e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), em um café da manhã, realizado na manhã desta quinta-feira (9), o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles afirmou que o governo deve apoiar a aprovação, no Congresso, de uma proposta de reforma da Previdência que mantenha cerca de 50% do texto original. Também participou da reunião o relator da reforma, deputado Arthur Maia (PPS-BA). [Leia mais...]

[Reforma da Previdência deve manter cerca de 50% da proposta original, assegura Meirelles]
Foto : José Cruz/ Agência Brasil

Por Matheus Morais no dia 09 de Novembro de 2017 ⋅ 10:52

Após reunião com o presidente Michel Temer e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), em um café da manhã, realizado na manhã desta quinta-feira (9), o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles afirmou que o governo deve apoiar a aprovação, no Congresso, de uma proposta de reforma da Previdência que mantenha cerca de 50% do texto original. Também participou da reunião o relator da reforma, deputado Arthur Maia (PPS-BA).

Segundo o ministro, o governo não vai abrir mão de manter na proposta alguns pontos, entre eles a criação de idade mínima para aposentadoria, que hoje, no texto, está em 65 anos para homens e 62 anos para mulheres. Segundo ele, o texto final da proposta ainda não está fechado. Para o ministro, independente de qual seja a versão final, é preciso que ela contribua para reduzir o déficit da Previdência e equilibrar as contas públicas nos próximos anos.

Meirelles afirmou ainda que durante a reunião se consolidou o entendimento de que é preciso votar a reforma da Previdência ainda neste ano.

Notícias relacionadas