Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Terça-feira, 18 de junho de 2024

Home

/

Notícias

/

Política

/

Coronel não fala em punição, mas espera que Targino ʹse retrate em públicoʹ

Política

Coronel não fala em punição, mas espera que Targino ʹse retrate em públicoʹ

“A carapuça não caiu em mim, eu chego as 9h e saio muitas vezes as 23h30 atendendo gente. Foi um discurso muito duro”, avaliou. [Leia mais...]

Coronel não fala em punição, mas espera que Targino ʹse retrate em públicoʹ

Foto: Divulgação/AL-BA

Por: Clara Rellstab no dia 28 de março de 2018 às 18:08

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Ângelo Coronel (PSD), avaliou como “infeliz” o discurso raivoso de Targino Machado (PPS) – entre outras coisas o deputado chamou os colegas de “vagabundos”.

Em entrevista à Rádio Metrópole, o chefe da AL-BA disse que, apesar de não pregar punição ao parlamentar – já que tal atitude é da alçada da Comissão de Ética da Casa –, espera que ele se retrate publicamente.

“A carapuça não caiu em mim, eu chego as 9h e saio muitas vezes às 11h30 da noite atendendo gente. Foi um discurso muito duro”, avaliou, ao acrescentar que Machado errou ao "generalizar".

O social-democrata disse ainda que a Casa está sem produção porque tudo foi votado em dezembro. “A Casa está andando nos passos normais. É só pegar os anais e ver que a AL-BA foi a quem mais produziu”, finalizou.