Política

Justiça estabelece multa para manifestantes acampados em Curitiba

Manifestantes pró e contra Lula que ocupam o entorno da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, terão que pagar multa diária de R$ 500 mil caso não deixem o lugar. [Leia mais...]

[Justiça estabelece multa para manifestantes acampados em Curitiba ]
Foto : Reprodução/ Superintendência da Polícia Federal

Por Tayane Rodrigues no dia 14 de Abril de 2018 ⋅ 13:00

Manifestantes pró e contra Lula que ocupam o entorno da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, terão que pagar multa diária de R$ 500 mil caso não deixem o lugar. O local é ocupado desde que o ex-presidente começou a cumprir pena pela condenação no caso do triplex do Guarujá.

A determinação foi emitida pelo juiz substituto da 3ª Vara da Fazenda Pública, Jailton Juan Carlos Tontini, e cita a Central Única dos Trabalhadores (CUT), o Partido dos Trabalhadores (PT/PR), Movimento Curitiba Contra Corrupção, Movimento Brasil Livre (MBL) e Movimento UFPR Livre.

Uma ordem de desocupação já havia sido emitida pelo juiz Ernani Mendes Silva Filho no último domingo (8), a pedido da Prefeitura de Curitiba.

Desde a condução do ex-presidente Lula à sede da PF em Curitiba, cerca de 500 pessoas estão acampadas permanentemente na vizinhança do prédio da instituição. A prefeitura alega que eles causam transtornos e a precarização na prestação dos serviços públicos aos moradores.

Notícias relacionadas