Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

PF acredita que Temer lavou propina em imóveis da família

Até agora, a investigação aponta que o presidente recebeu, por meio do coronel João Baptista de Lima Fillho, ao menos R$ 2 milhões de propina em 2014. [Leia mais...]

[PF acredita que Temer lavou propina em imóveis da família ]
Foto : Lula Marques/ AGPT

Por Alexandre Galvão no dia 27 de Abril de 2018 ⋅ 06:15

A Polícia Federal acredita que o presidente Michel Temer (MDB) lavou dinheiro de propina com obras em casas da família dele. De acordo com a Folha, o emedebista teria dissimulado transações imobiliárias em nomes de terceiros, na tentativa de ocultar bens.

A esposa dele Marcela Temer e o filho do casal são donos de alguns desses imóveis.

Até agora, a investigação aponta que o presidente recebeu, por meio do coronel João Baptista de Lima Fillho, ao menos R$ 2 milhões de propina em 2014.

Neste mesmo ano, quando Temer foi reeleito vice-presidente na chapa de Dilma Rousseff, duas reformas foram feitas, em valores semelhantes, em propriedades de familiares do emedebista, da filha Maristela Temer e da sogra, Norma Tedeschi.

Notícias relacionadas