Política

Otto e Lídice votam a favor de empréstimo para Salvador e cutucam Temer

"Tivemos uma dificuldade enorme para ter os R$ 600 milhões do Banco do Brasil que aprovamos para a saúde, educação e infraestrutura e não conseguíamos receber", lembrou o senador

[Otto e Lídice votam a favor de empréstimo para Salvador e cutucam Temer]
Foto : Marcos Oliveira/Agência Senado

Por Alexandre Galvão no dia 22 de Maio de 2018 ⋅ 13:40

Os senadores Otto Alencar (PSD) e Lídice da Mata (PSB) votaram a favor, hoje (22), de um empréstimo de US$ 125 milhões para a cidade de Salvador. O "sim" para a proposta, que tem de passar pela Comissão de Assuntos Econômicos da Casa, no entanto, foi acompanhado de lembranças de pedidos de dinheiro barrados ao governo da Bahia.

"Sobre o empréstimo de US$ 125 milhões para Salvador: a bancada da Bahia jamais votaria contra a nossa capital. Já sofri muita perseguição e sei o quanto ilegítima e anti-democrática a perseguição política é. Mas pedimos também tratamento igualitário para o Governo da Bahia. Não podemos aceitar dois pesos e duas medidas. Quando o mesmo Senado aprovou empréstimo de 600 milhões para o Estado, com assinatura do presidente do Banco do Brasil, o DEM na Bahia trabalhou para impedir que esse empréstimo saísse", comparou Lídice.

Otto também falou do empréstimo do BB, que só foi liberado com decisão judicial. "Tivemos uma dificuldade enorme para ter os R$ 600 milhões do Banco do Brasil que aprovamos para a saúde, educação e infraestrutura e não conseguíamos receber. Além disso, tive duas reuniões com Meirelles para pedir que enviasse a autorização aqui para o Senado de um empréstimo de € 200 milhões que a Bahia pode pedir e não liberam", reclamou.

Notícias relacionadas