Política

PT quer que Haddad adote perfil de 'pacificador’

Campanha petista acredita que segundo turno será entre antipetismo e antibolsonarismo

[PT quer que Haddad adote perfil de 'pacificador’]
Foto : Divulgação

Por Metro1 no dia 18 de Setembro de 2018 ⋅ 08:40

A cúpula do PT quer que o candidato do partido, Fernando Haddad, adote um perfil de "pacificador" e se projete como o único viável para a convivência republicana.

Segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, a campanha petista acredita que, consolidado o crescimento do ex-prefeito paulista, o segundo turno será uma disputa de rejeições: o antipetismo contra o antibolsonarismo. Neste sentido, aliados avaliam que só Haddad pode amenizar a rejeição à sigla.

Ontem (17), durante uma sabatina da Folha, UOL e SBT, o petista já adotou o discurso de "pacificador". “Você está falando com uma pessoa que não tem nada de sectário, que ajudará a construir um amplo campo de apoio democrático popular”, disse o presidenciável.

Notícias relacionadas