Política

Apoiador de Alckmin, Neto critica 'poste' Haddad e inexperiência de Bolsonaro

Nos próximos dias, de acordo com o presidente nacional do DEM, o ex-governador de São Paulo vai subir o tom contra os adversários

[Apoiador de Alckmin, Neto critica 'poste' Haddad e inexperiência de Bolsonaro]
Foto : Max Haack / Secom / PMS

Por Alexandre Galvão no dia 19 de Setembro de 2018 ⋅ 14:00

Coordenador da campanha de Geraldo Alckmin (PSDB) à Presidência da República, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), criticou o candidato do PT, Fernando Haddad, e o postulante do PSL, Jair Bolsonaro. Ambos estão à frente do tucano nas pesquisas. 

"Vimos quando se elegeu um 'poste' o que deu. Não dá para aceitar um poste testado e reprovado. Não se pode apoiar a aventura de um cara que tem 30 anos de parlamento e não construiu nada sólido. O fato é que a gente olha e vê que não tem experiência e equipe. Não está pronto para governar", afirmou, sobre os concorrentes. 

Ainda de acordo com Neto, a reunião de membros do centrão ontem não teve com pauta uma possível debandada da candidatura do tucano. "Tínhamos programado reunião em São Paulo com partidos da campanha de Alckmin para avaliar o cenário e fazer projeção dos últimos 20 dias. Foi uma reunião que aconteceu em clima convergente. Há consenso das estratégias e a confiança de que existe espaço para virada de jogo", disse. 

Nos próximos dias, de acordo com o presidente nacional do DEM, o ex-governador de São Paulo vai subir o tom contra os adversários. "Não tem como não elevar o tom. Não no sentido de agredir ninguém e deixar de ser educado e conciliador. Não dá para, faltando poucos dias, negligenciar dessas informações. Se o eleitor escolher outros candidatos no segundo turno, temos que respeitar", ponderou. 

Notícias relacionadas