Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Quarta-feira, 10 de julho de 2024

Home

/

Notícias

/

Política

/

Moro defende competência para julgar ação sobre sítio de Atibaia

Política

Moro defende competência para julgar ação sobre sítio de Atibaia

Juiz reconhece não ter ficado provado que dinheiro de contratos com a estatal foram diretamente utilizados na reforma do sítio

Moro defende competência para julgar ação sobre sítio de Atibaia

Foto: Lula Marques / AGPT

Por: Alexandre Galvão no dia 19 de setembro de 2018 às 16:40

O juiz Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, enviou ao Supremo Tribunal Federal uma manifestação em que defende a competência dele para julgar a ação penal na qual o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é réu por supostamente ter recebido vantagens indevidas de empreiteiras na reforma de um sítio em Atibaia (SP).

O magistrado enviou ao STF a decisão em que negou à defesa do petista o envio do caso para a Justiça Federal de São Paulo. Os advogados alegam que a investigação não está relacionada a desvios na Petrobras e por isso não deve permanecer na capital paranaense.

Na decisão, Moro reconhece ainda não ter ficado provado que dinheiro de contratos com a estatal foram diretamente utilizados na reforma do sítio, mas disse que a ligação só poderá ser melhor examinada ao longo do processo, e não ser descartada antecipadamente.

“Se os elementos probatórios citados são suficientes ou não para a vinculação das reformas do sítio a acertos de corrupção em contratos da Petrobras, ainda é uma questão a analisar na ação penal após o fim da instrução e das alegações finais”, escreveu o juiz.