Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

Em quarto nas pesquisas, Jutahy diz já ter ‘vitória política’ 

Candidato ao Senado pelo PSDB disse se diferenciar de políticos que estão no “mar de lama”

[Em quarto nas pesquisas, Jutahy diz já ter ‘vitória política’ ]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Alexandre Galvão / Gabriel Nascimento no dia 03 de Outubro de 2018 ⋅ 08:24

Quarto colocado, segundo as pesquisas de intenção de votos, o deputado federal e candidato ao Senado Jutahy Magalhães Júnior (PSDB) disse já ter aferido “vitória política” na eleição deste ano. Em entrevista à Rádio Metrópole, ele lembrou de feitos da própria trajetória. 

“Coloco a campanha baseada em duas vertentes: a vitória política e a vitória eleitoral. A política eu já conquistei, e em um ambiente horroroso da política nacional. Muitos foram presos: presidente da República, da Câmara, ministros, senadores, deputados. Nesse mar de lama, vergonha nacional, de tanta gente envolvida nos piores atos, em um ambiente de população indignada, demonstrei que tenho o reconhecimento até dos adversários, que não sou só ficha limpa. Tenho vida limpa, correta, descente. Fiz uma vida útil para o Brasil, para a Bahia”, afirmou, em entrevista a Mário Kertész. 

Apesar disso, ele diz que vai brigar também pela “vitória eleitoral”. “Vou lutar até o dia 7 para ter o primeiro voto e peço que avalie os outros candidatos, se você já escolheu outro candidato, respeito. Mas avalie entre os demais se eu não mereço seu voto”, clamou.
 
De acordo com o tucano, uma das coisas que ele mais se orgulha de ter feito é a lei que barrou a publicidade do cigarro. “Proibi a propaganda de cigarro. Serra era ministro da Saúde, me chamou e disse que precisava de alguém com coragem, vida limpa e capacidade de discussão”, rememorou.

Notícias relacionadas

[Se Deus quiser vou continuar meu mandato, diz Bolsonaro]
Política

Se Deus quiser vou continuar meu mandato, diz Bolsonaro

Por Juliana Rodrigues no dia 21 de Janeiro de 2021 ⋅ 10:05 em Política

Em conversa com apoiadores, presidente ainda responsabilizou governo do Amazonas e prefeitura de Manaus pelo caos na saúde da capital: "Todo mundo me culpa. Tudo sou eu"