METROPOLE

Sexta-feira, 14 de maio de 2021

Política

Lídice desconversa sobre voto em Coronel: 'É secreto'

Eleita deputada federal, mas atrás de Marcelo Nilo, que teve votação superior, a senadora disse não temer perder o comando do partido na Bahia

Lídice desconversa sobre voto em Coronel: 'É secreto'

Foto: Matheus Simoni / Metropress

Por: Alexandre Galvão / Marina Hortélio no dia 08 de outubro de 2018 às 19:24

Senadora em fim de mandato e deputada federal eleita pela Bahia, Lídice da Mata (PSB) desconversou sobre ter votado ou não em Angelo Coronel (PSD). Ele foi preterida da chapa do governador Rui Costa à reeleição para dar lugar ao atual presidente da Assembleia Legislativa da Bahia. À época, o PSB baiano lançou nota em que classificava o intento de Coronel como "erro histórico". 

"O voto é secreto", sintetizou. A senadora comentava, em entrevista à Rádio Metrópole, que a estratégia usada pelo PT baiano foi a de colar Coronel ao ex-governador Jaques Wagner (PT). 

"Uma coisa que [une] se chama o santinho, que é instrumento de unificação de qualquer campanha e depois a TV, o pedido do governador, a campanha toda foi casada. Wagner disse isso [não vote só em mim, vote em coronel também]". 

Eleita deputada federal, mas atrás de Marcelo Nilo, que teve votação superior, Lídice disse não temer perder o comando do partido. 

"Nilo tem uma votação muito organizada e muito previsível. As contas dele davam uma votação a partir de 107 mil votos. A minha eleição era uma incógnita, eu fiz uma campanha em 50 dias, muitos nem acreditavam que eu me elegesse, as primeiras listas divulgadas colocavam em dúvida a minha eleição. Eu me considero plenamente vitoriosa por ter tido mais de 100 mil votos em uma eleição como esta", disse.

TV METRO

Entrevistas

Alice Portugal

Em 14 de maio de 2021
ASSINE O CANALMETROPOLE NO YOUTUBE
Lídice desconversa sobre voto em Coronel: 'É secreto' - Metro 1