Política

Quatorze partidos se declaram neutros na disputa do 2º turno

Embora tenham decidido não apoiar ninguém, algumas legendas tomam posição contrária a um dos candidatos

[Quatorze partidos se declaram neutros na disputa do 2º turno]
Foto : Fernando Frazão / Rovena Rosa / Agência Brasil

Por Juliana Rodrigues no dia 13 de Outubro de 2018 ⋅ 11:00

Quatorze partidos decidiram se manter neutros no segundo turno das eleições presidenciais, que será disputado entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) no próximo dia 28. 

Os partidos Democracia Cristã, Democratas, MDB, Patriota, Podemos, PP, PSD, PSDB, PR, PRB e Solidariedade optaram por neutralidade total e liberaram os integrantes para que escolham o candidato que quiserem. 

Já outras legendas, embora se declarem neutras, tomaram posição expressamente contrária a um dos lados da disputa. É o caso do Novo, que se diz "absolutamente" oposto ao PT, e da Rede, que orientou "nenhum voto em Bolsonaro". O PPS afirma que fará oposição às duas candidaturas, por considerar que ambos os projetos de governo "flertam com ditaduras".

Notícias relacionadas