Segunda-feira, 02 de agosto de 2021

Política

Haddad diz que instituições se sentem ameaçadas pela linha dura das Forças Armadas

Haddad listou declarações feitas por Bolsonaro e apoiadores que caracteriza como ameaças ao Supremo Tribunal Federal, à imprensa e à oposição ao capitão reformado

Haddad diz que instituições se sentem ameaçadas pela linha dura das Forças Armadas

Foto: Reprodução/Arquivo/Agência Brasil

Por: Marina Hortélio no dia 22 de outubro de 2018 às 16:40

O presidenciável do PT, Fernando Haddad, afirmou que as instituições se sentem ameaçadas pela linha dura das Forças Armadas e que, por esse motivo, têm demorado para reagir aos ataques da campanha de Jair Bolsonaro (PSL).

Haddad listou uma série de declarações feitas pelo capitão reformado e apoiadores que caracteriza como ameaças ao Supremo Tribunal Federal, à imprensa e à oposição ao presidenciável.

Um dos filhos de Bolsonaro, o deputado estadual Eduardo Bolsonaro, afirmou que “bastam um soldado e um cabo” para fechar o STF.

O petista questionou o papel do ministro Sergio Etchegoyen (Gabinete de Segurança Institucional) no processo eleitoral. 

Haddad ainda insinuou que o general se coloca como “ameaça” ou “tutela” para o Tribunal Superior Eleitoral por ter participado ontem (21) de uma coletiva de imprensa, ao lado da presidente da corte, Rosa Weber.

Haddad diz que instituições se sentem ameaçadas pela linha dura das Forças Armadas - Metro 1