Política

'Bolsonaro morreu pela boca', diz Dilma após votar em MG

A petista votou cedo, em Belo Horizonte, e criticou a fala do candidato do PSL, Jair Bolsonaro, sobre acabar com opositores

['Bolsonaro morreu pela boca', diz Dilma após votar em MG]
Foto :Leonardo Fernandes/Brasil de Fato

Por Matheus Simoni no dia 28 de Outubro de 2018 ⋅ 12:00

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) afirmou (28) que acredita em uma vitória do correligionário Fernando Haddad (PT) no segundo turno das eleições presidenciais. A petista votou cedo, em Belo Horizonte, e criticou a fala do candidato do PSL, Jair Bolsonaro, sobre acabar com opositores.

"Bolsonaro morreu pela boca", disse Dilma ao jornal Folha de S. Paulo. A respeito de sua derrota em Minas, onde foi candidata ao Senado, Dilma disse que ficou estarrecida e que foi uma surpresa. A petista cobrou uma investigação profunda sobre os efeitos da interferência do WhatsApp nas eleições do primeiro turno. 
 

Notícias relacionadas

[PSL deve suspender Eduardo Bolsonaro por críticas ao partido]
Política

PSL deve suspender Eduardo Bolsonaro por críticas ao partido

Por Juliana Rodrigues no dia 20 de Outubro de 2019 ⋅ 09:00 em Política

“Precisamos salvar o Brasil dos filhos do presidente”, disse o deputado Júnior Bozzella (SP), que é um dos principais porta-vozes do presidente da sigla, Luciano Bivar