Política

Ministro do Meio Ambiente teme fusão anunciada por Bolsonaro

Edson Duarte recebeu com surpresa e preocupação a notícia

[Ministro do Meio Ambiente teme fusão anunciada por Bolsonaro]
Foto : Fernando Alves/Governo do Tocantins

Por Lara Ferreira no dia 31 de Outubro de 2018 ⋅ 16:20

O ministro do Meio Ambiente, Edson Duarte, disse hoje (31) que ficou surpreso e preocupado com o anúncio da fusão da pasta com a Agricultura. 

De acordo com a Folha, ele afirma que os dois órgãos são de imensa relevância nacional e internacional e têm agendas próprias, que se encontram apenas em uma pequena fração de suas funções. 

O atual ministro explica, em nota, que a pasta ambiental conversa com agendas públicas e extrapola cada uma delas, o que justifica uma estrutura própria e fortalecida. "O novo ministério que surgiria com a fusão do MMA e do MAPA teria dificuldades operacionais que poderiam resultar em danos para as duas agendas".

O anúncio da fusão dos ministérios do Meio Ambiente e da Agricultura foi feito ontem (30), após reunião no Rio de Janeiro. Também foi anunciada a criação de um superministério da Economia, sob comando de Paulo Guedes.

Notícias relacionadas