Política

Beto Richa e outros 12 viram réus na Operação Rádio Patrulha

A denúncia foi aceita ontem (30) pelo juiz Federal Bardelli Silva Fischer, da 13ª Vara Criminal de Curitiba

[Beto Richa e outros 12 viram réus na Operação Rádio Patrulha]
Foto : Marcelo Camargo/Agência Brasil

Por Marina Hortélio no dia 31 de Outubro de 2018 ⋅ 19:35

O ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB), o irmão Pepe Richa e outras 12 pessoas viram réus na operação Rádio Patrulha, do Ministério Público do Paraná, que investiga um esquema de desvio de dinheiro por meio de licitações no programa "Patrulha do Campo", para recuperação de estradas rurais do estado.

A denúncia foi aceita ontem (30) pelo juiz Federal Bardelli Silva Fischer, da 13ª Vara Criminal de Curitiba.

Beto Richa foi preso na operação em 11 de setembro, mas foi solto quatro dias depois, após habeas corpus concedido pelo ministro Gilmar Mendes.

Notícias relacionadas