Política

'Aécio já prejudicou muito o partido', diz ex-presidente do PSDB

Para Tasso Jereissati (PSDB-CE), é preciso “dar um jeito nesse problema”

['Aécio já prejudicou muito o partido', diz ex-presidente do PSDB]
Foto : Antônio Cruz / Agência Brasil

Por Daniel Brito no dia 11 de Dezembro de 2018 ⋅ 18:40

O ex-presidente do PSDB e senador pelo Ceará, Tasso Jereissati, disse hoje (11) que o senador Aécio Neves (PSDB-MG)  já “prejudicou muito” a imagem dos tucanos. 

“Se isso for comprovado, é um negócio muito sério. Se essa mesada for realmente verdadeira, é uma questão séria”, afirmou, se referindo ao pagamento suspeito de R$ 50 mil pelo Grupo J&F ao senador mineiro. 

Questionado sobre as novas denúncias que envolvem Aécio em um esquema de pagamentos, Jereissati disse que é preciso “dar um jeito nesse problema”. Já ao ser perguntado se o caso poderia justificar uma expulsão do senador mineiro do partido, o ex-presidente defendeu ações rigorosas “A imagem do partido não pode mais ficar ligada a isso para o resto da vida. Tem que dar um jeito”, disse.

Deflagrada pela Polícia Federal hoje pela manhã, a Operação Ross acusa Aécio de chefiar uma associação criminosa que visava comprar apoio político para sua campanha presidencial nas eleições de 2014. Segundo a PF, o Grupo J&F pagou, a pedido de Aécio, propina de R$ 109,3 milhões ao senador, seu partido e outras legendas, como PTB, DEM e Solidariedade.
 

Notícias relacionadas