Política

Rui marca reunião com reitores de universidades em greve e fórum de docentes critica

De acordo com nota do fórum, reitores não são interlocutores do movimento docente

[Rui marca reunião com reitores de universidades em greve e fórum de docentes critica]
Foto : Aline Reis / Metropress

Por Juliana Almirante no dia 08 de Abril de 2019 ⋅ 11:00

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), marcou uma reunião, nesta segunda-feira (8), com reitores das três universidades estaduais (Uesb, Uefs e Uneb) que tiveram greve aprovada pelos professores na semana passada. No entanto, a agenda gerou reação do fórum de docentes.

"Eu já marquei segunda-feira à tarde uma reunião com os reitores para alinhar a questão do orçamento e execução orçamentária. Eu vou continuar o meu jeito de governar com seriedade, com responsabilidade. Esse é o meu jeito de ser e eu não vou mudar", afirmou o governador, durante a inauguração do novo trecho da Avenida 29 de março, no sábado (6), de acordo com o Correio. 

Marcado para a tarde desta segunda na sede da Governadoria, o encontro de Rui com os reitores foi alvo de críticas em comunicado do Fórum das Associações Docentes das Universidades Estaduais da Bahia (Aduneb, ADUSB, ADUFS, ADUSC).

De acordo com a nota, o governo estadual teria "de forma inexplicável e desrespeitosa", suspendido reunião agendada com o fórum também nesta segunda. 

"Em vez de cumprir seu compromisso com o movimento docente, o governo agendou para o mesmo dia e horário uma reunião com o Fórum de Reitores das Universidades Estaduais da Bahia. É preciso esclarecer que os reitores das universidades estaduais não são os interlocutores do movimento docente. Neste grave momento, em que as atividades docentes serão paralisadas, desmarcar uma reunião com Fórum das ADs não contribui para a resolução do impasse criado pelo governo", diz o comunicado. 

Conforme a agenda de mobilização do movimento, nesta terça-feira (9), as atividades serão paralisadas e haverá concentração no portão de cada campus às 7h.  A próxima assembleia está marcada para as 14h de quarta-feira (10). 

Notícias relacionadas